souvie investe R$ 30 milhões e surpreende o mercado com cosméticos orgânicos para gestantes e bebês

Comida Brasileiraa | 07/10/2016

a crescente discussão sobre meio ambiente, saúde e sustentabilidade despertam, cada vez mais, o interesse da população pelos produtos orgânicos. é nessa procura, de um público exigente, que o mercado de produtos naturais e orgânicos tem demonstrando franca expansão no brasil. a busca maior ainda é por alimentos, mas os cosméticos certificados já começam, aos poucos, a atrair os consumidores. 

a marca souvie de cosmético orgânicos, lançada em 2015 pelos sócios caroline villar e breno bittencourt jorge, já demonstra potencial para o sucesso. com investimento de R$ 30 milhões ao longo de seis anos de gestação, a empresa realizou cultivos, desenvolveu fornecedores, construiu e certificou a fábrica e as matérias-primas e treinou os 15 funcionário.

“depois de longa pesquisa identificamos uma defasagem no mercado de orgânicos para gestantes e recém-nascido no brasil. é o nicho do nicho”, diz villar. assim, as linhas atendem a um público delicado com produtos que vão de sabonete, shampoos, cremes a óleos hidratantes. 

mas não é tão simples quanto possa parecer. a produção de um cosmético orgânico exige muito mais do que a exclusão de agrotóxicos — eles tampouco utilizam óleo mineral, silicones, corantes artificiais, conservantes e fragrâncias sintéticas, substâncias que podem prejudicar a saúde humana e ambiental, e muito menos são testados em animais. 

como o brasil não dispõe de uma regulação para cosméticos orgânicos, é preciso recorrer a certificações, como as emitidas pela francesa ecocert e a do instituto biodinâmico (IBD). em ambos os casos, os cosméticos devem respeitar um porcentual mínimo de matérias primas orgânicas. os ingredientes que não são orgânicos devem ser de origem vegetal e respeitar uma cadeia sustentável.

os produtos da souvie contam com certificação da ecocert, segundo a qual um produto orgânico tem mais de 95% de matérias-primas orgânicas em relação à quantidade total de matérias-primas vegetais utilizadas na formulação.